Notícias

Eleição para presidente da Câmara de Vereadores de Ouvidor é cancelada

Eleição para presidente da Câmara de Vereadores de Ouvidor é cancelada

access_time 5 anos ago

A sessão que marcaria a escolha do novo presidente da nova mesa diretora da Câmara Municipal de Ouvidor para ano de 2018, foi cancelada na manhã de hoje (22), quando na oportunidade o atual presidente da casa vereador Wison Assunção da Silva Júnior (PMDB), declarou em entrevista exclusiva que outra data será anunciada para realização da eleição.

O presidente em exercício Wison, disse que a determinação em cancelar a eleição, segue orientação do Regimento Interno do Legislativo Municipal. “A intimação não foi entregue para todos os parlamentares em tempo hábil, por isso, decidi cancelar essa votação”, finalizou afirmando que esse posicionamento não tem nenhuma influência do Poder Executivo.

O processo, costurado com antecedência pelos três vereadores de oposição a atual administração, transcorreu com a aliança de dois parlamentares da base administrativa municipal. A formação da chapa mista assim ficou determinada pelos pares. O peemedebista Aires Rosa Ribeiro para o cargo de presidente, Lucas Antônio da Silva (PSDB) – vice-presidente, Helder Cruz Almeida (DEM)– 1º secretário, Jorge Luiz Teles Benedito (SD) – 2º secretário e Ademilton Sebastião da Silva (PSDB).

“Nossa chapa é forte e está montada, eu percebo que o prefeito e alguns vereadores querem que outro parlamentar seja o presidente para o próximo ano. Eu acredito que essa anulação da eleição de hoje, tem sim influência direta e objetiva do prefeito Onofre Galdino (PMDB)”, relatou o vereador Lucas.

“Tenho certeza que esse cancelamento de hoje, é uma articulação e manobra do prefeito em não deixar essa chapa encabeçada pelo vereador Aires sair vencedora. Mas, digo aos que trabalha contra nós, vamos continuar firmes e fortes, quando o for anunciada a nova data, vamos sair vencedores, pois somos a maioria. Ressalto aqui que, os vereadores Aires e Helder continuaram na base do prefeito”, disse Jorge Luiz.

“A democracia existe para essas situações, quando qualquer parlamentar eleito tenha o direito de escolha e manifestação, por isso que os vereadores Aires e Helder têm nosso apoio, respeito e reconhecimento. Sabemos que são da base do prefeito, mas, o que estamos discutindo e votando são atribuições do Legislativo que é independente do Executivo” salientou Ademilton.

“Adiantamos que mudamos a escolha da chapa para presidência da Câmara, eu e o Aires, de forma alguma estamos abandonando a base do prefeito. Continuaremos juntos, de mãos dadas e unidos com a administração municipal” esclareceu Helder.

Ao final das entrevistas com todos os vereadores presente no plenário da Câmara, o candidato a presidência para o ano de 2018, vereador Aires Rosa Ribeiro, disse em entrevista exclusiva a nossa reportagem que achou estranho o cancelamento da eleição.  “Sinceramente não entendi a real motivação para esse cancelamento por parte da presidência da Câmara, tendo em vista que sou e continuarei na base do prefeito Onofre. Mas tudo bem, nossa chapa está registrada e qualquer outro dia escolhido para realização da eleição, eu com meus companheiros vamos nós consagrar vitoriosos”, pontuou Aires.

Texto/Foto: Reginaldo Ribeiro / www.juacontecimentos.com.br

Compartilhe essa notícia

Comentários