Notícias

Dez nomes serão testados em nova pesquisa eleitoral para governador de Goiás

Dez nomes serão testados em nova pesquisa eleitoral para governador de Goiás

access_time 1 mês ago

Sem análise para a presidência da República e sem simulação de segundo turno, a Rede Record encomendou uma pesquisa junto ao Instituto Real Time Big Data para avaliar as intenções de voto para o Governo e para o Senado

Entre os dez nomes, Edigar Diniz, Helga Martins e Cintia Dias terão seus nomes testados pela primeira vez (Foto: Reprodução)

A Rede Record encomendou mais uma pesquisa eleitoral na última sexta-feira (20). Registrou no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) a pesquisa GO-02079/2022 que é a segunda pesquisa encomendada pela emissora junto ao Instituto Real Time Big Data e deve divulgar o resultado da intenção de voto dos goianos na próxima quinta-feira (26). A pesquisa vai analisar um cenário mais amplo para o governo de Goiás, com dez nomes. Para o Senado o instituto registrou sete nomes nomes para a entrevista.

Para o governo, a pesquisa vai analisar o nome do senador Vanderlan Cardoso (PSD). O pessedista não foi anunciado como pré-candidato ao Palácio das Esmeraldas, mas tem aparecido nas pesquisas encomendadas pela emissora. Além do pessedista, o instituto vai testar outros nove nomes. São eles, o governador Ronaldo Caiado (União Brasil), o ex-prefeito de Aparecida de Goiânia Gustavo Mendanha (Patriota), o ex-governador Marconi Perillo (PSDB), o ex-governador José Eliton (PSB), o deputado federal Major Vitor Hugo (PL), o ex-reitor da Pontifícia Universidade Católica de Goiás (PUC Goiás) Wolmir Amado (PT), o empresário Edigar Diniz (Novo), Cíntia Dias (PSOL) e a professora Helga Martins (PCB). Será a primeira vez que os nomes do Novo, do PCB e do PSOL serão testados.

Para o Senado, o Instituto testará sete nomes. O ex-ministro das Cidades Alexandre Baldy (Progressistas), o deputado Delegado Waldir (União Brasil), o deputado João Campos (Republicanos), o empresário Leonardo Rizzo (Novo), o presidente da Assembleia Legislativa de Goiás (Alego), Lissauer Vieira (PSD), Marconi Perillo e o ex-senador Wilder Morais (PL).

Há sete perguntas registradas pelo Instituto. Entre elas está a pesquisa espontânea para o Governo e questionários estimulados sobre governador Ronaldo Caiado e a avaliação da Gestão. O instituto também vai avaliar a rejeição aos nomes colocados como pré-candidatos pelo Instituto. Não foram registradas simulações de segundo turno, de intenção de voto para a Presidência da República e pesquisa espontânea para o Senado.

Como citado acima, a pesquisa foi encomendada pela Rede Record e será realizada entre os dias 24 e 25 de maio e a previsão da divulgação é o dia 26 de maio. A pesquisa será feita por telefone, com 1,5 mil entrevistados e a margem de erro prevista é de 3% para mais ou para menos, com um intervalo de confiança de 95%.

Esta é a segunda pesquisa encomendada pela Record junto ao instituto. Na primeira, divulgada no dia 17 de fevereiro, o governador Ronaldo Caiado estava na liderança com 41% das intenções de voto. Cenário que também é parecido com o da última pesquisa eleitoral divulgada no último sábado (21) pelo Jornal Diário de Goiás. A pesquisa encomendada pela Associação Goiana de Gado Nelore (AGN) e testou dois cenários para o governo de Goiás e para o Senado.

 

Compartilhe essa notícia

Comentários