Notícias

César Ferreira pode ser o principal adversário de Adib Elias em 2020

César Ferreira pode ser o principal adversário de Adib Elias em 2020

access_time 3 anos ago

O MDB pode bancar Helson Barbosa de Souza. Giovani Cortopassi também pretende disputar

César José Ferreira, conhecido popularmente como César da PC é um dos nomes que tentam dividir as águas em Catalão e acabar com a polarização Adib-Serra e por isso tem colocado seu nome como pré-candidato. Trabalha na política da região do Sul de Goiás há muitos anos e já chegou a prestar serviços para ambos os grupos. Em tempos recentes, trabalho na Agetop (hoje, Goinfra) como Diretor de Fiscalização e Monitoramento de Obras e também fez parte da equipe de secretários do ex-prefeito Jardel Sebba. Apesar das ligações com os grupos mandatários da cidade, sua candidatura é independente e César está confiante que pode angariar forças para ser competitivo no pleito. “Eles provavelmente terão seus candidatos, ou serão candidatos. Eu coloco meu nome de forma independente e vou trabalhar para aglutinar força e ter condições de vencer a eleição”

O cenário, segundo o possível candidato do PSD permite que novas forças se apresentem com competitividade. “Nunca teve um cenário favorável para que outras forças pudessem pleitear a disputa e a partir deste ano, as forças políticas viram que existe essa possibilidade e estão se movimento para isso” explica.

César conta que tem buscado aglutinar forças com jovens lideranças e já contar com uma futura base de apoio entre os vereadores na Câmara Municipal. “Algumas lideranças políticas que hoje buscam essas novas opções para estarem ai a caminho da próxima disputa. Já tivemos com jovens lideranças, pessoas que estão agora na política. Estão pensando em pleitear a disputa de vereador.”

Quando se fala em diálogo com outros candidatos que estão aparecendo, César adota uma postura conciliatória e de diálogo. Ele considera que esta é a única forma para que possam desbancar os dois grupos que alternam o poder em Catalão: “Outras pessoas que pleiteiam a vaga de prefeito. É um momento de conversão. Aquele que não se abrir a essas conversas, provavelmente ficarão fora do pleito. Eu coloco meu nome, aceito a conversa, aceito o debate, aceito a colocação de outros nomes também como pré-candidato a prefeito, nessa conversa, com a maior tranquilidade do mundo.”, pontua.

César prefere não adotar o termo “renovação” para este processo, mas ele acredita que as pessoas “estão com vontade de mudar” e querem novos nomes na disputa. Tudo porém, feito com ‘maturidade’ “As pessoas estão com vontade de mudar. Nós estamos num lapso temporal de 20 anos com essas duas candidaturas, ou é um ou é o outro. Então as pessoas estão querendo fazer essa mudança, essa renovação, eles querem outros nomes nessa disputa. Eu acho que esse é o momento, a discussão é essa, precisa ter maturidade, né? Para chegar a nomes que realmente possa disputar essa eleição, porque senão será mais do mesmo.”, explica.

O pré-candidato também pontua que está preparado e tem as características certas para o cargo. “Se eu sou o nome certo eu não sei, mas a gente tem que ter vontade, condição e coragem. Eu tenho todas esses três adjetivos para disputar essa eleição.”, conclui.

Compartilhe essa notícia

Comentários